Depois de muita expectativa, o live-action americano baseado em Death Note, um dos mangás e animes mais populares dos últimos anos, foi finalmente liberado pela Netflix.

Porém, infelizmente, a recepção de boa parte dos fãs da franquia foi bastante negativa.

Alterações na trama e na personalidade dos personagens, além de decisões criativas no mínimo discutíveis do diretor Adam Wingard causaram reações que foram da incredulidade até a revolta.

Confira algumas delas!

1. Death Note Evolution

Obviamente, não poderiam faltam as comparações com Dragon Ball Evolution, filme que continua sendo referência universal em adaptações fracassadas de animes.

2. Revolta com a Netflix

O bom atendimento ao cliente, criatividade nas campanhas de marketing e na interação em suas redes sociais fizeram com que a Netflix angariasse uma legião de fãs, não somente de suas obras originais, como também na empresa em si.

No entanto, a boa reputação não poupou o serviço de streaming da decepção com Death Note.

3. Light Nutella

Na obra original, o protagonista Light era um estudante genial que decide usar os poderes do Death Note para instaurar uma nova ordem mundial. Já no filme, Light é um garoto mediano que parece estar mais preocupado em impressionar a garota por quem está apaixonado.

Definitivamente, não foi uma mudança que parece ter agradado a muita gente.

Death note not

L: Seu filho é um cara brilhante.~vitão

Publié par No batidão do kawaii o que reina é o desu sur dimanche 27 août 2017

Desculpe Nat Wolff, mas quem nasceu para ser coadjuvante de A Culpa das Estrelas nunca vai ser Kira ¯_(ツ)_/¯

Publié par Death Note Brasil sur samedi 26 août 2017

4. Decepção e Revolta

Antes da estreia, o diretor desconsiderou as severas críticas que Death Note vinha recebendo, frisando que os comentários negativos não tinham respaldo, pois os fãs ainda não haviam assistido ao filme.

Muitos decidiram dar uma chance à adaptação e assistir o filme de mente aberta. No entanto, resultado gerou uma avalanche ainda maior de decepção e revolta.

DECEPCIONADÍSSIMA

Publié par Death Note Brasil sur samedi 26 août 2017

Siga ➡ www.instagram.com/geekdamasite

Publié par Death Note Brasil sur dimanche 27 août 2017

5. Negação

Bem, ao menos ainda há o mangá, o anime e as light novels, além de uma série de TV e quatro live-actions japoneses. Então, podemos ignorar a versão da Netflix e tocar o barco.

Em entrevista concedida recentemente, Adam Wingard manifestou interesse em dirigir uma sequência do filme. Será que os fãs do anime terão mais sorte desta vez?

Death Note conta a história de Light Turner (Nat Wolff) um estudante de Seattle que se depara com um caderno sobrenatural jogado na terra por Ryuk (Willem Dafoe), que lhe dá a habilidade de matar qualquer pessoa, desde que saiba seu nome e seu rosto. Light decide usar o poder do Death Note para livrar o mundo de malfeitores com a ajuda de sua namorada, a líder de torcida Mia Sutton (Margaret Qualley). No entanto, ele  é antagonizado pelo misterioso detetive “L” (Keith Stanfield), que acredita que Light é apenas um criminoso comum e está determinado a detê-lo.

Death Note estreou na Netflix em 25 de agosto de 2017.